23 Julho 2019-03:07. S. J. do Rio Preto-SP

Fone: (17) 3211.2550

Conhecer o etanol

Comitiva formada por pesquisadores estrangeiros esteve ontem (29) à tarde em visita à Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz para conhecer as iniciativas e pesquisas ligadas ao desenvolvimento
Sindalquim

2010-07-30 11:53
Conhecer o etanol  Uma comitiva formada por pesquisadores estrangeiros esteve ontem (29) à tarde em visita à Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) para conhecer as iniciativas e pesquisas ligadas ao desenvolvimento do setor de biocombustíveis, especialmente do etanol. A visita faz parte do projeto Impacto dos Biocombustíveis sobre a pobreza e uso da terra, que conta com financiamento da tradicional Fundação Bill Gates. Integram o grupo Carl Pray, professor da Universidade de Rutgers; Scott Rozelle, professor da Universidade de Stanford; Siwa Msangi e Yang Jun, pesquisadores da Academia Chinesa de Ciências; e Danielle Torres, pesquisadora da Embrapa que acompanha a visita no Brasil. O projeto busca entender melhor a dinâmica dos biocombustíveis e eles vieram ao Brasil por toda força que o país em relação ao assunto, observa Danielle. Eles querem entender como funciona, saber como todo o processo é feito, inclusive em relação aos carros flex fuel, avalia. Os visitantes foram recepcionados no Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada) - pavilhão de Economia e Sociologia e depois se encontraram com o vice-diretor da Esalq, Natal Antonio Vello; vice-presidente da Comissão de Cooperação Internacional da USP. Depois, a comitiva apresentou a palestra Impactos dos Biocombustíveis sobre a pobreza na África, Sul da Ásia e China. Potencial de crescimento Um dos integrantes da comitiva, o queniano Siwa Msangi destaca o potencial dos países em desenvolvimento em relação ao uso dos biocombustíveis. Para o pesquisador, países como o Brasil e a Índia contam com tecnologias de destaque para o processo produtivo. Viemos exatamente para entender melhor sobre todo o aparato tecnológico que possibilita o crescimento de um setor em expansão, disse, em inglês, aos jornalistas. Os pesquisadores também buscam entender os benefícios e/ou malefícios para o meio ambiente no comparativo com o uso de combustíveis fósseis como o petróleo. O que o Brasil e outros países em desenvolvimento necessitariam, na avaliação de Msangi, é formar uma rede de integração que organize todo o processo de uma forma global, potencializando os pontos fortes do setor. O Brasil, por exemplo, tem toda a força do setor de agronegócio, com muitos investimentos e estudos. Fonte: Felipe Rodrigues, em 30/07/2010


Últimas notícias

Postado: 13/07/2019 07:07 por Henrique Fernandes
Sindalquim encerra primeira fase de procurações da ação das horas in itinere da Usina Téreos

Na segunda-feira, dia 15, o Sindalquim já começa a recolher novas procurações de quem ainda não entregouLeia Mais

Postado: 06/07/2019 19:07 por Henrique Fernandes
Sindalquim ganha processo para beneficiar trabalhadores do Barracão de Açúcar da Coplasa

Outros processos estão tramitando na Justiça e em breve terão suas decisõesLeia Mais

Postado: 26/06/2019 14:06 por Henrique Fernandes
Diretoria do Sindalquim toma posse para mandato até 2024

Cerimônia de posse foi realizada nesta terça, na sede da entidade, em Rio PretoLeia Mais

Postado: 01/06/2019 11:06 por Henrique Fernandes
Sindalquim fecha acordo com todas as empresas do setor sucroalcooleiro

Entidade encerrou as assembleias e negociações nesta semana. Verba indenizatória (horas in itinere) é mantidaLeia Mais

Postado: 20/05/2019 16:05 por Henrique Fernandes
Sindalquim ganha processo de quase R$ 2 milhões. Veja se você está na lista

Processo é referente a verba de horas in itinire para funcionários da Usina Tereos, de TanabiLeia Mais

Postado: 30/04/2019 21:04 por Henrique Fernandes
Sindalquim faz assembleias em usinas de Orindiúva, Sebastianópolis e Meridiano, nesta semana

Presidente parabeniza os trabalhadores pelo dia 1º de Maio e relembra como iniciaram as lutas, em 1886, em Chicago, nos Estados Unidos, quando milhares de trabalhadores foram às ruas reivindicar melhores condiçõesLeia Mais

Postado: 12/04/2019 08:04 por Fequimfar
Químicos assinam convenção coletiva dos farmacêuticos

Reajuste salarial será de 100% do INPC (4,67%), que incide também sobre os atuais pisos salariais e na PLRLeia Mais

Postado: 27/03/2019 17:03 por Henrique Fernandes
Sindalquim entrega pauta do etanol para o setor patronal

Primeira mesa redonda será no dia 10 de abril, na sede do Sindalquim, às 14 horasLeia Mais

Cadastre seu email abaixo e receba mais informações:

Você gostou do novo site?

Sim
Não
Sem opção



  

Udop


  

CNTQ


  

Fequimfar


  

Unica

 
 Av. América, 364 Vila Diniz - CEP:15.013-310  São José Rio Preto-SPFone: (17) 3211.2550 Desenvolvido por Cdznet