Químicos conquistam 100% do INPC e manutenção da Convenção Coletiva até 2021

Químicos conquistam 100% do INPC e manutenção da Convenção Coletiva até 2021

O presidente do Sindalquim, João Pedro Alves Filho, participou na última sexta-feira (18), ao lado de dirigentes da Fequimfar/Força Sindical e da FETQUIM/CUT da 1ª rodada de negociação coletiva da Campanha Salarial e Social dos Trabalhadores dos Setores Químico e Plástico, com data-base em 1º de novembro. O encontro reuniu dirigentes sindicais e da bancada patronal composta por representantes do Grupo CEAG 10 da FIESP. Na negociação, os Químicos conseguiram reajuste salarial de 100% do INPC em todas as faixas salariais, inclusive nos Pisos Salariais e a manutenção das demais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho e validade da CCT até 2021.

“Diante do cenário de dificuldades em nosso país, essa conquista é uma grande vitória”, afirmou João Pedro. Até o dia 31 de outubro, a proposta patronal será avaliada pela categoria junto aos Sindicatos nas bases, para, em seguida, ser discutida em Assembleia Geral na sede da FEQUIMFAR. Se aprovada, a Convenção Coletiva de Trabalho deverá ser assinada no dia 12 de novembro.

Deixe um comentário